Notícias

Avenida Tiradentes recebe a instalação de um jardim de chuva

Estrutura, com 940m², está localizada no distrito do Bom Retiro, próximo ao Parque Jardim da Luz e à Pinacoteca do Estado

De Secretaria Especial de Comunicação

A região central de São Paulo em breve contará com mais um jardim de chuva. A estrutura está sendo construída na Avenida Tiradentes, no distrito do Bom Retiro, próximo ao Parque Jardim da Luz e à Pinacoteca do Estado. O jardim, com mudas fornecidas pelos três viveiros da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, terá 940m² e faz parte do projeto de prevenção a enchentes e melhoria do clima urbano.

A Avenida Tiradentes também receberá melhorias no paisagismo em uma área de 1.220m². Essas ações contribuem para aumentar a permeabilidade do solo, evitando enchentes, deixando os ambientes ainda mais bonitos e aumentando a área verde da região central.

Finalidade

Além das funções em infraestrutura verde, essas modalidades ampliam as possibilidades de bem-estar, lazer e biodiversidade urbana, enquanto auxiliam no escoamento da água da chuva. Os jardins filtram a água para uma rede de drenagem subterrânea e evitam o acúmulo na superfície. Este é o objetivo da Prfeeitura, por meio da Secretaria Municipal das Subpreituras, que já implantou 197 unidades. Antes, eram somente 23.

"A implantação de áreas verdes é muito importante para diminuir a aridez da cidade, com a utilização de plantas e flores. Porém, mais do que isso, os jardins de chuva têm como diferencial a capacidade de drenar a água que até então ficava acumulada no asfalto. É mais uma medida para diminuir os pontos de alagamentos", afirma Alexandre Modonezi, secretário municipal das Subprefeituras.

Por toda a cidade

As estruturas estão distribuídas nas zonas Norte, Sul, Leste, Oeste e Centro. Por região, a distribuição é:

- 80 no Centro
- 33 na Zona Norte
- 32 na Zona Leste
- 16 na Zona Oeste
- 59 na Zona Sul.

Todas as obras foram realizadas por equipes contratadas pelas Subprefeituras. Os jardins de chuva não possuem orçamento dedicado. As intervenções são feitas com os recursos da Dotação 2386 e 2705, que são destinadas à manutenção e operação de áreas verdes, praças, canteiros centrais e remanescentes de cada Subprefeitura.

A região central da capital foi escolhida para receber o projeto-piloto de Soluções baseadas na Natureza (SbN) e concentra a maior parte dos jardins. São cerca de 92 mil m², se considerarmos também outras intervenções com a mesma função de captação de água, como as vagas verdes, biovaletas, escadarias verdes, poços de infiltração, land art e bosques de conservação urbana. Está prevista a entrega de 400 unidades até o final de 2024.

SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo
Telefones: 3113-8835/ 3113-8831
E-mail: imprensa@prefeitura.sp.gov.br
Sala de imprensa: imprensa.prefeitura.sp.gov.br

Ações do documento

Vídeos

Construindo Histórias - Saúde Pós Covid-19